top of page
  • Foto do escritorWilFran Canaris

Acordos de teletrabalho e ponto eletrônico são aprovados por unanimidade pelos funcionários do Banri

Nesta quinta-feira, 4, os Banrisulenses tiveram a oportunidade de opinar sobre os acordos de ponto eletrônico e teletrabalho que foram negociados entre a representação dos trabalhadores e a direção da empresa. Foram muitas rodadas de negociação desde o término da Campanha Nacional da categoria e após vários debates as propostas foram finalizadas e encaminhadas para votação.

A Pandemia do novo coronavírus (Covid-19) trouxe a tona a importância de regulamentar o teletrabalho. Tendo em vista que em março de 2020 mais de 300 mil trabalhadores das instituições financeiras foram colocados em regime de teletrabalho o que serviu para proteção destes em virtude do risco de contaminação pelo vírus.

Considerando que a legislação não é muito favorável aos trabalhadores neste regime de trabalho surgiu a necessidade de criar regras de proteção aos mesmos. Sendo assim, durante a Campanha Nacional da categoria o Comando Nacional debateu junto a Fenaban a possibilidade de criar uma convenção coletiva de trabalho que protegesse a todos. Considerando que o debate não avançou para construção de um acordo único para todos os bancários foram sendo criadas mesas específicas para debates banco a banco. Desde então algumas instituições já evoluíram para construção de Acordos Coletivos de Trabalho. O Banrisul foi uma destas e após cinco meses de discussões a proposta foi finalizada e aprovada pelos Banrisulenses.

O presidente do Sintrafi Florianópolis e Região Cleberson Pacheco Eichholz que participou das negociações destaca: “Temos uma legislação frágil no que diz respeito a regulamentação do teletrabalho no Brasil. Considerando os legisladores que nos representam no Congresso Nacional ficarmos aguardando por eles para rever essa situação é um risco que não podemos correr, pois estes estão mais preocupados em agradar empresários e grandes empresas do que os trabalhadores. Sendo assim, avalio que demos um passo importante para preservar a saúde e os direitos dos Banrisulenses construindo este acordo que acaba de ser aprovado.”

Além do acordo de teletrabalho os Banrisulenses aprovaram a renovação do acordo de ponto eletrônico. Este acordo já era praticado há alguns anos no banco, porém a regulamentação do teletrabalho exigiu adaptação da redação para contemplar os funcionários neste regime. Neste acordo os Banrisulenses ainda tem a comemorar a inclusão de uma cláusula que protege os funcionários de uma pratica que poderia possibilitar um funcionário logar os sistemas do banco após o término de seu expediente. Pois a partir deste acordo acessos simultâneos poderão ser identificados pelo movimento sindical que poderá requerer os relatórios nas agências onde houver suspeita de ocorrências destes acessos.

Sintrafi Florianópolis e Região

0 visualização0 comentário
bottom of page