top of page
  • Silvia Medeiros

Bancários paralisam atividades no centro de Florianópolis em defesa do emprego e dos direitos

Em defesa do emprego e dos direitos, bancários de Florianópolis realizaram um ato nesta quarta (28/6) em que atrasaram a abertura de três agências, no lançamento da Campanha #BancoParaTodos

A mobilização faz parte do Dia Nacional de Luta em Defesa do Emprego e dos Direitos, organizado pela Contraf e que visa denunciar os problemas causados pelo fechamento de agências e demissões em diversos bancos do país.


Em Florianópolis os funcionários do Bradesco, Itaú e Santander que ficam na Praça XV no centro da capital, participaram da mobilização. Durante a atividade os dirigentes do Sintrafi dialogaram com bancários e clientes.


Atualmente, o Brasil conta com apenas 7.216 agências em todo o país, o menor número desde 2007, quando o Banco Central começou a registrar esses dados. E a situação está se agravando, pois somente no ano de 2022 foram fechadas 428 unidades.


Outro aspecto preocupante é a demissão de funcionários devido aos fechamentos de agências. Esses profissionais perdem seus empregos e ficam sem condições de sustentar suas famílias. Além do impacto individual, essa situação afeta negativamente o comércio local, resultando em prejuízos para toda a sociedade.


O Sintrafi Floripa segue na luta em defesa dos empregos e direitos!

1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page