top of page
  • Foto do escritorWilFran Canaris

Funcionários do BB reagem a medidas arbitrárias da direção do banco

Nesta sexta-feira, dia 15, Sindicatos dos Bancários em todo o país realizaram atos em protesto contra o plano de reestruturação do Banco do Brasil e a forma como tem sido conduzido. Anunciado sem debate com os representantes dos trabalhadores, o plano adota uma série de medidas a toque de caixa, prejudicando funcionalismo e correntistas.

A direção do Sindicato esteve na agência Campinas em São José protestando e cobrando a imediata revogação das medidas arbitrárias anunciadas pela direção do banco. Durante a atividade a direção do Sindicato dialogou com os trabalhadores da unidade e com clientes e usuários para alertar das graves conseqüências das medidas anunciadas pela empresa.

Além do fechamento de agências, aposentadoria incentivada e transformação de agências em postos de atendimento, o BB também pretende realizar um enxugamento nas agências restantes, cortando dotações e comissões, tornando ainda mais precário o atendimento à população.

O dirigente do Sintrafi e funcionário do BB, André Luis Alves destaca: “Essa foi a primeira atividade de muitas que virão contra essa reestruturação. Estamos nos organizando para envolver os funcionários do banco numa grande campanha de enfrentamento e resistência. A única forma de revertermos essas medidas é com pressão e isso só será possível com a participação dos trabalhadores da empresa. Por isso convocamos os funcionários do banco a reagirem a essa arbitrariedade da direção.”

0 visualização0 comentário

Comentarios


bottom of page